Preço é diferente de valor e se você entender essa pequena diferença, pode ter um impacto gigante no seu negócio.

É muito comum empreendedores, negócios e marcas se focarem nas características dos seus produtos/serviços e centrarem toda a sua comunicação em si próprios e nas mais-valias dos seus produtos/serviços. Isso é um grande erro!

É preciso entender que o seu negócio nunca é sobre você, suas conquistas ou a qualidade dos seus produtos. É sempre sobre o seu cliente, as suas dores e as suas necessidades.

Enquanto você não centrar toda a sua comunicação no seu cliente e o ajudar com as suas dores e necessidades, você estará pensando apenas e somente em você, no seu produto e/ou nas suas vendas.

Sempre que você vende um produto/serviço, você tem de vender o benefício daquele produto/serviço e centrar toda a sua comunicação nas dores e necessidades do seu cliente.

Você precisa criar uma Proposta Única de Valor (P.U.V.) em que o seu produto é visto pelo seu valor e não pelo preço que ele custa.

Confira 4 dicas para você criar uma proposta de valor para o seu produto/serviço:

1) O seu produto/serviço tem de resolver a dor/necessidade do seu cliente. Quando isso acontece, o valor percebido desse produto/serviço é enxergado de um outro jeito;

2) Explique o benefício que o seu cliente vai ter ao comprar esse produto/serviço. Produto se vende pelo benefício, não pelas características.

Exemplo: Você pode vender um colchão falando das características técnicas, como medidas, tipo de material utilizando na espuma de enchimento, etc., ou você pode vender o benefício da pessoa dormir melhor, acordar com menos dor no corpo, reduzir as insônias, etc. Qual você acha que o cliente quer comprar?

3) Crie um argumento de diferenciação do seu produto/serviço. Seus clientes sempre se irão questionar sobre o porquê de comprar o seu produto/serviço e não o de um concorrente. Qual é a diferença?

4) Entregue um valor absurdamente mais alto do que o preço que você está pedindo por esse produto/serviço. Seu cliente sentirá sempre que fez a escolha certa, mesmo tendo pago um valor mais elevado.

Quando você apresenta seu produto/serviço de um jeito que é enxergado com um valor absurdo, seu cliente fica mais focado no benefício de ter aquele produto, do que propriamente no preço que você está pedindo por ele. Na realidade, você estará vendendo valor, não preço.

Quando você aplicar isso em seu negócio, você não terá mais que competir pelo preço e seus clientes realmente vão querer comprar de você, não porque o seu produto/serviço é o mais barato, mas porque é o melhor!

Dúvidas? Deixe seu comentário ou entre em contato comigo clicando aqui.

Até logo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *